Skip to content

Airbus A330 cai na Líbia: um menino sobrevive

12/05/2010

TRÍPOLI e JOHHANESBURGO – Um menino holandês de 10 anos sobreviveu a um acidente com um avião que levava 104 pessoas a bordo, nesta quarta-feira, na Líbia.

Até o momento, 96 corpos de vítimas foram encontrados, mas o ministro dos Transportes da Líbia, Mohammed Ali Zaidan, já informou que o garoto é o único sobrevivente. O acidente teria acontecido durante o pouso no aeroporto de Tripoli, capital líbia, que estava previsto para as 6h10m (1h10m no horário de Brasília).

O Airbus A330-200 da companhia aérea líbia Afriqiyah Airways havia decolado de Johannesburgo, na África do Sul. O destino final do voo era o aeroporto de Gatwick, em Londres, no Reino Unido. De acordo com o ministro dos Transportes líbio, o estado de saúde do sobrevivente é bom. Ele foi levado para um hospital, mas não corre risco de morrer. Segundo o primeiro-ministro da Holanda, Jan Peter Balkenende, havia dezenas de holandeses a bordo do avião. A Afriqiyah Airways não divulgou informações sobre vítimas ou sobreviventes e nem a lista com os nomes das pessoas que estavam a bordo.

“A Afriqiyah Airways anuncia que nosso voo 8u771 sofreu um acidente durante sua aterrissagem no aeroporto internacional de Trípoli”, diz a nota da companhia aérea em seu site. “Até o momento não temos informações sobre possíveis vítimas ou sobreviventes. Nossa informação é que 93 passageiros e 11 tripulantes estavam a bordo. A autoridades competentes estão encarregadas pela missão de busca e resgate”, acrescenta o comunicado da empresa aérea.

A Airbus, filial do grupo EADS, confirmou o acidente e especificou que o avião era um Airbus A330-200.

O departamento de Relações Internacionais da África do Sul e autoridades da Aviação Civil já estão em contato com autoridade líbias para tentar identificar as causas do acidente.

– Sabemos que o avião partiu de Johannesburgo na noite anterior e já iniciamos a troca de informações entre autoridades para que possamos ajudar a identificar as causas do acidente. Não sabemos se tinha passageiros sul-africanos a bordo ou se há algum sobrevivente. Se for possível, vamos tentar também ajudar na missão de resgate – disse a porta-voz do departamento, Nomfanelo Kota

O Globo Online – Jorge Luiz Rodrigues – correspondente/Agências internacionais

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: